Imprimir

PROJETO REVELARTE RECEBE O PRÊMIO CULTURAS POPULARES 2013

O Projeto Revelarte: Musical Raízes Brasileiras é um dos ganhadores do Prêmio Mazzaropi deste ano. A notícia foi publicada dia 21/10/2013, no Diário Oficial da União, a Portaria nº 36, que dispõe sobre a divulgação das inscrições classificadas no Edital Prêmio Culturas Populares - Edição 100 anos de Mazzaropi.

O Prêmio Culturas Populares foi criado pela Secretaria da Identidade e da Diversidade Cultural (SID/MinC) em 2007, com o objetivo de descobrir a atuação de Mestres e de Grupos/Comunidades, que realizam apresentações de expressões das culturas populares brasileiras. As manifestações devem ter o propósito de fortalecer e identificar essas expressões, para assim valorizar e dar visibilidade às atividades culturais, com ênfase na estratégia de preservação e enriquecimento da identidade cultural brasileira. O Prêmio está em sua quarta edição, somando 695 projetos premiados no Brasil.

 
Imprimir

Dia da Criança

Em celebração ao Dia da Criança o Colégio Colabore convidou o pizzaiolo Márcio Silva, para fazer uma oficina de pizza com os estudantes da Educação Infantil e do Primeiro Segmento do Ensino Fundamental. Além de aprender sobre os ingredientes e nomes que são dados às tradicionais pizzas as crianças literalmente "colocaram a mão na massa"! Foi uma atividade educativa, divertida e muito saborosa!"

Imprimir

Grupo Revelarte busca inspiração nas tradições judaicas

     

     

A nova coreografia apresentada pelo Grupo Revelarte em setembro de 2013 buscou fundamentos na tradição judaica. As danças judaicas foram criadas através de movimentos baseados no trabalho da terra, nos pastores, nas escrituras e eram apresentadas em diferentes ocasiões, vistas como um meio de expressar a alegria e sentimentos através de gestos corporais.

A apresentação contou com a inserção de traços da cultura brasileira e danças contemporâneas se tornando uma expressão da dança popular, na qual o povo se apropria com rapidez ao repetir os movimentos. Aqueles que se dedicam a estudos sobre folclore afirmam que a produção de uma cultura popular se dá em processos coletivos anônimos e desconhecidos, em que membros de uma sociedade descobrem novos movimentos e trazem à existência uma nova dança.

Imprimir

Teatro Municipal de Niterói - RJ

Estudantes do Colégio Colabore visitaram na última quinta-feira, dia 05 de setembro de 2013, o Teatro Municipal João Caetano em Niterói-RJ, para assistirem a uma apresentação do Trio Madeira Brasil – conjunto musical instrumental brasileiro de choro. O objetivo do passeio foi despertar o interesse dos estudantes por música brasileira de boa qualidade, além de expô-los a um dos espaços culturais mais tradicionais da cidade de Niterói. Eles puderam assistir ao concerto de cordas e prestigiar o Trio Madeira Brasil e depois da maravilhosa apresentação os integrantes do grupo, Ronaldo do Bandolim, Zé Paulo Becker (violão de 6 cordas) e Marcello Gonçalves (violão de 7 cordas), proporcionaram aos estudantes um momento especial para falar sobre suas experiências e carreiras.

 

      

Imprimir

Edição 2013 da série Sons da Orquestra

      

      

A Orquestra Sinfônica Nacional (OSN) da Universidade Federal Fluminense apresentou nesta quinta-feira, dia 15 de agosto, no Centro Educacional Monte Sião, a edição de 2013 da Série Sons da Orquestra, com a suíte sinfônica "Scheherazade", composta em 1888 pelo compositor russo Nikolai Rimsky-Korsakov. O evento contou com a presença de mais de cem crianças da Escola Municipal Heloneida Studart e do Colégio Colabore, localizados em Várzea das Moças. Os alunos tiveram a oportunidade de ouvir, muitas delas pela primeira vez, um concerto em formato didático.

No início da apresentação a regente Beatriz de Luca ambientou os estudantes. Ela explicou o que o som de cada instrumento representa e a qual personagem da história se refere. "Nosso objetivo com essa apresentação é levar a criança a arte de uma forma geral. Integrar não somente a música, pois a criança tem que compreender algo que teoricamente é muito distante do seu mundo habitual, para que assim ela possa se concentrar na música. O mais interessante é ensinar a história através da música e ajudar a criança a imaginar. Nós damos as ferramentas e ela constrói com sua imaginação!", afirmou Beatriz de Luca.

O evento é uma parceria com o projeto Música para Todos, idealizado pelo Centro Educacional Monte Sião, que tem como objetivo promover eventos que levem música de excelência ao cotidiano de crianças, jovens e adultos, tendo como objetivo democratizar o acesso à cultura e resgatar a história cultural brasileira.

"Acreditamos que o acesso a educação e a cultura tem total poder de desestruturar a violência. Um evento desse porte pode sim mudar o rumo de vida de muitas pessoas. O nosso sonho é ter cada vez mais recursos para ter crianças e adolescentes expostos a cultura que muda para o bem!", afirmou Silas Esteves, representante do Centro Educacional Monte Sião.

No próximo ano o CEMS promoverá oito eventos para o público infanto-juvenil, que alcançarão cerca de 2 mil estudantes de rede pública de ensino. Para a diretora da Escola Municipal Heloneida Studart iniciativas como essa são muito bem vindas. "Esse tipo de evento acrescenta muito, pois as crianças não tem outra oportunidade, então é uma experiência ímpar para elas. Além da música, é um incentivo à leitura. Isso reflete diretamente na sala de aula e no interesse dos alunos, complementando o nosso trabalho", afirmou Valéria Ferreira Lopes.

A apresentação, que teve participação de 60 músicos e narração da atriz Carol Futuro, foi transmitida on-line e foi acompanhada ao vivo por diversos países, como EUA e México. Mais informações no site http://cems.org.br/projetos-culturais/musica-para-todos, ou pelo telefone (21) 3602-7485.

Bonus William Hill
Bonus Ladbrokes

Copyright © 2013 - Centro Educacional Monte Sião

Premium Templates